img imprensa1

Hospital das Clínicas da FMUSP entrega a mais moderna Unidade Clínica de Terapia Celular do SUS

noticiaNo último dia 10, o Serviço de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, do Hospital das Clínicas da FMUSP, entregou as modernas instalações da UCTC - Unidade Clínica de Terapia Celular, em funcionamento no 8º andar do Instituto Central do HC (ICHC).

A reforma da área permitiu a construção de 10 quartos, com capacidade para 12 leitos, destinados a pacientes com câncer e outras doenças do sangue que receberão tratamento com células-tronco. Desses, quatro apresentam filtragem do ar com pressão positiva e antecâmaras, para assistência dos casos mais graves - pacientes que ficam semanas sem nenhuma defesa do sistema imunológico, vulneráveis a infecções. Os demais quartos possuem filtragem do ar.

Com conceito inovador, a unidade receberá tecnologia pioneira no Sistema único de Saúde para prevenção da infecção, principal obstáculo ao sucesso do tratamento.

De acordo com o Prof. Dr. Vanderson Rocha, Titular de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular da FMUSP, um sistema automatizado irá monitorar se o profissional higieniza ou não as mãos antes de examinar o paciente. A medida objetiva impedir a transmissão cruzada de microrganismos, uma das principais causadoras da infecção hospitalar.

O controle será rígido. Os quartos com antecâmaras e pressão positiva do ar, por exemplo, só irão liberar acesso do profissional que higienizar as mãos. O funcionamento do sistema é simples. Quando o enfermeiro, por exemplo, for lavar as mãos, um sensor de leitura de cartão a distância registrará a sua identificação. Em seguida, a torneira inteligente, com temporizador programado para 60 segundos, emitirá um sinal para o fecho eletromagnético da porta do quarto que, por sua vez, se destravará para o acesso do profissional.

Caso o profissional resolva encurtar o tempo de lavagem das mãos, preconizado pela Subcomissão de Controle de Infecção Hospitalar (SCCIH) do ICHC, a porta não se destravará. Nos demais quartos, o acesso será feito por intermédio do cartão de identificação de proximidade e liberação do fecho magnético.

Após a entrega da obra na quinta-feira, iniciou-se o processo de isolamento do local, que inclui o fechamento da varanda, descontaminação até a purificação do ar. Assim, visitas, mesmo monitoradas, não são mais possíveis. A medida é fundamental para garantir a segurança dos pacientes.

O Serviço de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular realiza, em média mensal, 12 transplantes de células-tronco da medula óssea, do sangue periférico e do sangue de cordão umbilical, provenientes do próprio paciente ou de doadores familiares e voluntários.
Os investimentos, de R$ 4 milhões, contaram com doações da iniciativa privada.

Mais novidades

Outros dois quartos da UCTC, com 3 leitos, em enfermaria anexa, também receberam melhorias. Os ganhos para os pacientes serão enormes, acrescentou o Prof. Dr. Vanderson Rocha. Ao todo, a unidade oferecerá 12 quartos, com 15 leitos, e infraestrutura necessária para um atendimento altamente qualificado e tratamento humanizado.

Os quartos foram equipados com sensores de presença que avisarão a enfermagem quando o paciente usar o banheiro, local onde é aumentado o risco de quedas. Todo o sistema de água tem tratamento especial. Além disso, os quartos receberam monitores que, interligados ao posto de enfermagem, fornecerão as informações necessárias para a equipe médica e para o internado.

Os pontos de gases e tomadas foram instalados de forma discreta para que o paciente se sinta em ambiente mais acolhedor e aconchegante. Nesse mesmo sentido, monitores poderão ser utilizados como porta-retratos e para veiculação de informações educativas. Os quartos apresentam ainda portas com vidros polarizados que mantêm a visualização por parte da enfermagem sem afetar a privacidade do paciente.

O projeto das obras foi desenvolvido pelo Centro de Arquitetura e Engenharia Hospitalar do ICHC em conjunto com equipe multidisciplinar.

Presenças ilustres

A visita monitorada à UCTC - Unidade Clínica de Terapia Celular contou com as presenças ilustres do Prof. Dr. Marco Antonio Zago, Secretário de Estado da Saúde; Prof. Dr. Tarcísio Eloy Pessoa de Barros Filho, Vice-Diretor da Faculdade de Medicina da USP e Vice-Presidente do Conselho Deliberativo do HCFMUSP; Profa. Dra. Eloisa Dutra de Oliveira Bonfá, Diretora Clínica do HCFMUSP; Engenheiro Antonio José Rodrigues Pereira, Superintendente do HCFMUSP; Prof. Dr. Alberto José da Silva Duarte, Presidente do Conselho Diretor do ICHC; Prof. Dr. Flavio Fava de Moraes, Diretor Geral da Fundação Faculdade de Medicina (FFM); Dra. Lucila Pedroso da Cruz, Diretora Executiva do ICHC; Profa. Dra. Rosa Maria Rodrigues Pereira, Diretora da Divisão de Clínica Médica I e II do ICHC; Prof. Dr. Vanderson Rocha, Diretor do Serviço de Hematologia e Hemoterapia da Divisão de Clínica Médica I e II do ICHC; Luis Vicente Laporta Roubles, Coordenador do Centro de Engenharia e Arquitetura Hospitalar – Projetos e obras do ICHC; colaboradores do Complexo HCFMUSP, empresários, imprensa e do ator Reynaldo Gianecchini, que visitou o local no final do dia.