topo humanizacao

img imprensa1

Tombamento de edificações do Polígono da Saúde

O Conselho Deliberativo do HCFMUSP recebeu, no dia 21 de março, a visita do Secretário Estadual da Cultura, José Roberto Sadek, que estava acompanhado de sua equipe técnica. Ele apresentou detalhado estudo de tombamento do Polígono da Saúde.

A proteção do patrimônio considerado histórico já existe para a Faculdade de Medicina da USP (1981); Instituto Oscar Freire (1982); Instituto Adolfo Lutz (1990) e conjunto da AAAOC – Associação Atlética Acadêmica Oswaldo Cruz (2002).

Em 2005, foi aberto processo que amplia o tombamento, reconhecendo o valor cultural das seguintes edificações: Instituto Central do HCFMUSP; IOT – Instituto de Ortopedia e Traumatologia do HCFMUSP; Faculdade de Higiene e Saúde Pública e Escola de Enfermagem da USP.

Em março do ano passado, decidiu-se pelo tombamento com aprovação de minuta pelo Condephaat – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo.

O Secretário observou que, no caso do IOT e ICHC, a resolução do Condephaat prevê análise prévia apenas de intervenções em suas áreas externas adjacentes, fachadas e aos saguões nobres. Durante a visita, os membros do Conselho Deliberativo do HCFMUSP apresentaram seus comentários e sugestões futuras em relação ao assunto.